domingo, 22 de maio de 2011

Abertas as inscrições para a 7ª Edição do Concurso Cultural Ler e escrever é Preciso

Concurso em nível nacional convida toda a comunidade escolar, educadores sociais e profissionais de Biblioteca a ler, refletir e escrever sobre os cuidados com a vida
Começam nesta terça-feira (01.03) as inscrições para o público interessado em participar do 7º Concurso Cultural Ler e Escrever é Preciso, realizado pelo Instituto Ecofuturo e seus parceiros, entre eles o Instituto de Co-Responsabilidade pela Educação. O tema deste ano é “Vamos Cuidar da Vida” e cerca de 70 mil escolas, 6 mil bibliotecas públicas e comunitárias e 800 organizações sociais em todo o Brasil foram convidadas a ler, conversar e escrever sobre os cuidados com a vida, de forma alegre, leve e inteligente.
Nesta edição o Concurso será realizado 100% via internet. O site com as informações, o Passo a Passo para as escolas analisarem e selecionarem os textos mais expressivos e bem escritos que as representarão no Concurso e as instruções sobre Como Participar já estão no ar. No site do Concurso também há a Biblioteca Virtual, um espaço com diversos materiais de referência que conta com publicações inéditas, produzidas especialmente para o projeto, além do Livro do Professor.
Com pesquisa e texto produzidos pela educadora Maria Betânia Ferreira, o Livro do Professor contextualiza como o tema pode ser tratado de forma atraente, intensa e criativa em cada uma das categorias previstas no Concurso, tudo pensado de forma muito cuidadosa, respeitando as características dos tipos diferenciados de público, seus desafios, necessidade e as facilidades de cada faixa etária. Estas informações são entrelaçadas por referências literárias, que são a base privilegiada de leitura e de reflexão nesta edição do Concurso.
Para contribuir com o clima de entrosamento e muito bate-papo em sala de aula, a escritora Heloisa Prieto foi convidada a resgatar o sentido de cuidado presente nas redações premiadas nos seis Concursos anteriores para compor o livro “Fazendo mágica com as palavras”: um material inédito e precioso para o professor, pois lá estão depoimentos de fonte direta sobre o que pensam, sentem e como se expressam as atuais gerações.
A publicação “Cuidados com a vida” foi idealizada para oferecer amplitude de reflexão sobre o tema aos participantes: 20 escritores e personalidades que fazem a diferença foram convidados a escrever sobre como o cuidado está presente em suas vidas pessoais e profissionais. Nesse livro, o rabino Nilton Bonder, a chef de cozinha Carla Pernambuco, o neonatologista Carlos Eduardo Ferreira, o filósofo Mario Sergio Cortella, a psicóloga, publicitária e deputada federal Mara Gabrilli, o astrólogo Osmar Quiroga, o velejador Lars Grael e muitos outros contribuem com a percepção sobre as diversas formas de cuidado que podemos ter com a nossa vida, a vida do outro e a vida do planeta.
A proposta do Ecofuturo é promover o pensamento, o bate-papo, e ouvir de fonte direta o que pensam crianças, jovens e adultos sobre os cuidados com a vida, partindo do princípio de que somos coautores de tudo o que ocorre ao nosso redor e, portanto, de uma vida melhor, sustentável e mais gentil: coisa que se faz no dia-a-dia e no detalhe de cada gesto.Categorias e gêneros de texto
Na 7ª edição do Concurso podem participar crianças e jovens que estiverem cursando séries do ensino fundamental I, ensino fundamental II e ensino médio, estudantes das Escolas de Jovens e Adultos (EJA), professores e, pela primeira vez, profissionais de biblioteca e educadores sociais.
Todo o material de apoio incentiva à busca por fontes de referências que possam ser discutidas em sala de aula e usadas no esclarecimento de conceitos e idéias para a produção dos textos.
Para esta edição, a primeira totalmente realizada em ambiente virtual, a expectativa é atingir milhares de pessoas em todo o Brasil. Na última edição, realizada em 2007, cerca de 550 mil alunos foram impactados e 30 mil redações foram recebidas. Os 60 melhores textos, junto com 600 pérolas (fragmentos de texto que tocam o leitor) foram publicados no livro “Inventário do que Podia Ser Bem Melhor e Será o Melhor Lugar do Mundo”. Esta e todas as demais publicações realizadas pelo projeto estão disponíveis para consulta e download no site www.ecofuturo/concursocultural.Seleção dos textos e premiação
Um grupo seleto de jurados, formado por especialistas de diversas áreas de atuação profissional e formação, analisará os materiais que chegarem ao Ecofuturo na busca dos textos que mais brilharam em originalidade e criatividade. Trata-se de um olhar gentil que procurará salientar os textos que desvelam um pouquinho da própria essência de seu autor.
Os autores das 60 redações que melhor traduzirem o conceito sobre os cuidados com a vida ganharão um notebook e uma coleção de clássicos da literatura, além de receberem certificado, troféu e terem seus textos publicados em livro, a ser lançado pelo Instituto Ecofuturo. Os vencedores serão conhecidos durante evento cultural que acontecerá em São Paulo.Inscrições
O site com as informações e os materiais de referência para a produção dos textos já está no ar. As inscrições poderão ser feitas no período de 1º de março a 30 de junho também pelo site.
Patrocinadores e Parceiros
O Concurso Cultural Ler e Escrever é Preciso é realizado pelo Instituto Ecofuturo e conta o patrocínio da Suzano Papel e Celulose, apoio do Ministério da Cultura, por meio da lei de incentivo à cultura, da EKA Chemicals, White Martins e Eternit.
A iniciativa conta com a parceria institucional da Associação Nacional de Jornais (ANJ) e Organização dos Estados Ibero Americanos e com outros parceiros como: Ministério do Desenvolvimento Social; Ministério da Educação, pelo Plano de Mobilização Social; Fundação Manoel Pedro Pimentel (Funap); Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo; Fundação Bradesco; Fundação Gol de Letra; Aliança pela Infância; Todos pela Educação; Instituto C&A; Centro de Voluntariado de São Paulo; Alfabetização Solidária; Instituto de Co-Responsabilidade pela Educação (ICE); Instituto de Desenvolvimento da Educação (IDE) e Editora Paulus.
Sobre o Instituto Ecofuturo
O Instituto Ecofuturo é uma organização social de interesse público criada e mantida pela Suzano desde 1999. Para o Ecofuturo, a palavra é a ponte para a sustentabilidade, por isso, investe no Programa Ler é Preciso, por meio do qual promove a leitura e a escrita entre crianças, jovens e adultos em nível nacional. Também realiza projetos que promovem o desenvolvimento de práticas de gestão sustentável em reservas naturais e centros urbanos, como o Parque das Neblinas e o Programa Investimento Reciclável (PIR).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu recadinho!!!
Obrigado pela visitinha!!!

Tudo de mim!!!!!